Sávio Barbosa - Bolsonaro no PL, mas partido seguirá na base de Helder no Pará.

Categorias

Mais Lidas

Bolsonaro no PL, mas partido seguirá na base de Helder no Pará.

As especulações em torno da filiação do presidente Jair Bolsonaro ao PL não devem mudar os rumos da legenda no Pará, que seguirá na base de apoio do governador Helder Barbalho. O PL era a legenda do ex-governador Lúcio Vale, hoje conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). No Pará, o partido tem um deputado federal, Cristiano Vale, irmão de Lúcio; três deputados estaduais e 16 prefeitos, contando com Carlos da Vila Nova, eleito no último domingo em eleição suplementar no município de Tomé-Açu, nordeste paraense.

O namoro de Bolsonaro com o PL começou há cerca de três semanas. Embora não tenha sido oficializada, fontes da legenda já dão como certa a filiação no próximo dia 22. A ida de Bolsonaro não é consenso internamente no PL. A resistência maior vem do Nordeste. A legenda tem hoje 41 deputados federais e esse quadro pode mudar completamente com a chegada do presidente. Alguns nomes do Congresso podem deixar a legenda, enquanto outros poderão ser atraídos pela presença do novo filiado, entre estes, o senador Flávio Bolsonaro, filho do presidente. No Pará, o partido deve ganhar pelo menos um deputado estadual.