Sávio Barbosa - Governo autoriza o início da construção do primeiro hospital público para mulheres no Pará.

Categorias

Mais Lidas

Governo autoriza o início da construção do primeiro hospital público para mulheres no Pará.

O governador Helder Barbalho assinou, na manhã desta segunda-feira (7), a ordem de serviço que autoriza o início das obras de construção do primeiro hospital público exclusivamente voltado para o atendimento de mulheres no Pará. Localizado na avenida Gentil Bittencourt, nº 2175, no bairro de São Brás, o Hospital Público da Mulher Senhora de Nazaré será uma unidade hospitalar com 120 leitos e atenção à saúde exclusivamente para a população feminina paraense. 

“É uma alegria estar iniciando as obras do primeiro hospital público da mulher paraense. Vamos trabalhar para que possamos ter neste equipamento as estruturas de saúde e todas as especialidades médicas necessárias para que possamos cuidar, prevenir, agir e curar. Com isso, vamos homenagear todas as mulheres do Pará”, declarou o governador Helder Barbalho, na cerimônia de assinatura.

O governador também falou sobre a realização de mais um compromisso firmado com a população paraense. “A construção do Hospital da Mulher foi um compromisso que fiz com a população do Estado e que hoje posso resgatar, cumprindo com o compromisso de cuidar das pessoas, em especial das mulheres do Pará”.

Governador no ato de assinatura de autorização das obras do hospital de mulher, que vão gerar 600 novos empregos na construção civil

Ainda segundo o governador Helder Barbalho, a expectativa é de que a obra gere cerca de 600 novos empregos na área da construção civil. “Se somado à obra de construção do Pronto Socorro de Belém, na Augusto Montenegro, teremos cerca de 1200 vagas para a construção civil. Oportunidade para que o trabalhador possa mostrar o seu talento e garantir sua renda.

O prefeito de Belém Edmilson Rodrigues falou sobre a importância da obra para o povo paraense, em especial para a população da capital. “É uma obra muito importante. O que se trata aqui é um investimento público em favor da vida. São as mães de todos nós. Trata-se aqui de garantir uma política de saúde integral. A ideia é permitir que todos os problemas relacionados à saúde feminina possam ser resolvidos neste grande centro. Parabenizo o Governador do Estado pela decisão e pela firmeza de cumprir o compromisso de campanha.” declarou o gestor municipal. 

Para o engenheiro civil Ruy Cabral, titular da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas (Sedop), pasta responsável pela execução da obra, a construção do Hospital da Mulher é mais uma etapa a ser vencida. “Esta é uma obra desenvolvida por profissionais paraenses. É um desafio para os próximos dois anos. Esperamos executá-la e atender o nosso principal objetivo, que é o bem estar da população paraense.” afirmou o gestor.

Orçada em R$111.167.239, 88, o novo hospital público da mulher tem prazo de execução previsto para 2 anos. A secretária de Planejamento e Administração, Hanna Gassan, assegurou que o Estado tem recursos garantidos para a execução da obra. “Hoje é o início de uma grande obra para o Pará e para a nossa população. Nós temos recursos garantidos e reservados para esta obra, que já estava prevista em nosso plano de governo”, frisou a secretária.

“Hoje estamos assinando a ordem de serviço para a construção do hospital público da mulher. A unidade será uma uma referência para o atendimento do público feminino, colocado à disposição da mulher paraense com todas as especialidades em um único local. Serão 120 leitos e toda a estrutura necessária para garantir saúde para as mulheres do estado”, declarou o secretário da Saúde Pública (Sespa), Rômulo Rodovalho. 

Saiba mais sobre o primeiro Centro moderno e exclusivo para o atendimento da mulher no Pará

Deputada federal Elcione Barbalho no ato de assinatura: “Agradeço porque trabalho com mulheres com dificuldade de acesso à saúde”.

A deputada federal Elcione Barbalho acompanhou a programação. “Eu faço um agradecimento especial ao governador do Estado. Agradeço porque trabalho com mulheres que têm dificuldade de acesso à saúde, a uma consulta. Este novo hospital será um grande avanço para se cuidar da saúde destas mulheres”, enfatizou.

O Hospital Público da Mulher Senhora de Nazaré foi projetado para ser referência nas linhas de cuidados especializados em ginecologia (geral, climatério, infanto-puberal e colposcopia), mastologia, infectologia, endocrinologia, uroginecologia, reumatologia, dermatologia, abrangendo urgência / emergência.

A unidade também prestará assistência às vítimas de violências sexual e doméstica, na perspectiva de agilizar o processo de operacionalização do acesso qualificado à Rede de Atenção à Mulher, compondo a rede e considerando a territorialidade, a fim de atender à proposta de regionalização com resolutividade. 

O projeto de edificação teve seu conceito pensado para atendimento com serviços ambulatoriais especializados, unidades de internação com 120 leitos. São 100 leitos de internação e 20 de UTI, distribuídos entre as subespecialidades da ginecologia e mastologia; centro de apoio ao diagnóstico por imagem e métodos gráficos, análises clínicas, unidades de terapia intensiva, entre outros serviços.

A prestação de serviços será exclusivamente ofertada pelo Sistema Único de Saúde (SUS), seguindo seus princípios e democratizando o acesso à medicina de alta complexidade. A edificação contará com 12 pavimentos, sendo um subsolo, distribuídos num total de 17.648,81 m².

Informações Agência Pará | Fotos: Marco Santos