Sávio Barbosa - Pará e outros Estados já trabalham para importar a Sputnik V.

Categorias

Mais Lidas

Pará e outros Estados já trabalham para importar a Sputnik V.

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) decidiu nesta sexta-feira (4) aprovar, de forma condicional e com restrições, novos pedidos de aval à importação de doses das vacinas contra a Covid Covaxin, da Índia, e Sputnik V, da Rússia.

A votação ocorreu por quatro votos a um nos dois casos. A medida –que abre espaço para a utilização dessas vacinas– ficará sujeita, porém, ao cumprimento de condições específicas.

Entre elas, está realização de estudos extras de efetividade, entrega de novos dados pelos fornecedores, aprovação de lotes pelo INCQS (instituto que atua no controle de qualidade de produtos de saúde) antes da distribuição e restrição de uso a alguns públicos e a determinados centros de saúde.

PARÁ

Após a decisão da Anvisa, o governador Helder Barbalho anunciou através das redes sociais que na manhã deste sábado (5) ele estará em videoconferência com governadores do Nordeste e do consórcio da Amazônia Legal que têm interesse de compra na vacina Sputnik V para discutir a logística e ampliar a vacinação em todo o Brasil.