Sávio Barbosa - Programas como o Renda Pará ajudaram no combate à pandemia.

Categorias

Mais Lidas

Programas como o Renda Pará ajudaram no combate à pandemia.

A pandemia da Covid-19 provocou diversos transtornos na economia em todo o Pará. Com o fechamento temporário de alguns setores, muitas pessoas ficaram sem qualquer renda ao longo desse período, o que foi amenizado com o pacote econômico implementado pelo Estado para auxiliar milhares de famílias paraenses.

Além da saúde da população, a preocupação com a distribuição de renda se tornou prioritária para o governo. O Fundo Esperança, por exemplo, trouxe alívio para empresários informais e integrantes da economia, assim como para microempreendedores individuais, microempresas e empresas de pequeno porte, cooperativas de trabalho, da agricultura familiar e transporte. Somente o programa injetou R$ 135,1 milhões nesse período de pandemia. 

Outros programas como o Renda Pará e o Bora Belém também se tornaram essenciais na vida de muita gente. Somente o Renda Pará disponibilizou R$ 72,2 milhões.

O Pará também implementou o Auxílio 500 Motoristas, Auxílio 500, Auxílio 400 e o Incentiva+ Pará, que garantiu a sobrevivência de diversas categorias afetadas pela pandemia como mototaxistas, músicos, vendedores ambulantes, catadores, flanelinhas, entre outros trabalhadores autônomos. 

“Diversos benefícios que partem desde o incentivo ao auxílio, ao olhar específico para algumas categorias, para que com isto, neste grande pacote, de mais de R$ 500 milhões, nós pudéssemos garantir com que a travessia desse momento pudesse ser a menos sofrida possível”, declarou Helder.